Mara Pereira é a convidada da semana no Programa de Lives Bienal 12

Atualizado: Jun 16

A educadora carioca conversa nesta quinta-feira (11) com Renata Sampaio e Igor Simões sobre mediação e educativos antes, durante e após a pandemia





A educadora e pesquisadora carioca Mara Pereira participa da terceira transmissão do Programa de Lives Bienal 12 nesta quinta-feira, 11 de junho, às 19h. O tema debatido será a mediação e os programas educativos antes, durante e num possível após a pandemia de Covid-19. O bate-papo será conduzido pelo curador e pela coordenadora do Programa Educativo, Igor Simões e Renata Sampaio. O Programa de Lives teve início no final de maio, e nas duas primeiras transmissões, recebeu as artistas Rosana Paulino, Ana Lira e Juliana dos Santos. No total, serão seis lives, sempre nas quintas-feiras, com a presença de artistas, educadores e curadores. As transmissões ao vivo podem ser acompanhadas pelo Facebook, Instagram e YouTube da Bienal do Mercosul. Haverá espaço para perguntas do público, que podem ser enviadas com antecedência pelos canais digitais da Bienal ou durante a live.


Mara Pereira Mulher preta, mãe, educadora e pesquisadora em educação, antirracismo, artes visuais e mediação cultural. Doutoranda em Educação  –PPGE-UFES; mestra em Artes – PPGARTES-UERJ; especialista em História da Arte e Arquitetura no Brasil  –  PUC-RJ; bacharela em Produção Cultural  –UFF.  Foi coordenadora do Programa de Educação da Biblioteca Parque Estadual - RJ e da Fundação Eva Klabin – RJ, coordenadora de ações e conteúdo do Núcleo Experimental de Educação e Arte do MAM-RJ e coordenadora de Ações Educativas do Centro Cultural Banco do Brasil - RJ. Educadora-Supervisora do Museu de Arte do Rio, e educadora em diversas instituições como Paço Imperial, Museu de Arte Contemporânea de Niterói, e Centro Cultural Banco do Brasil – RJ. Coordenou programas de educação e arte nas secretarias de cultura de São João de Meriti e de Nova Iguaçu – RJ. Igor Simões Doutor em Artes Visuais-História, Teoria e crítica da Arte-PPGAV-UFRGS. Professor adjunto de História, Teoria e Crítica da arte e Metodologia e Prática do ensino da arte (UERGS). Membro do comitê de curadoria da Associação Nacional de Pesquisadores em Artes Plásticas-ANPAP, Membro do Núcleo Educativo UERGS-MARGS. Membro do comitê de acervo do Museu de Arte do RS-MARGS. Trabalha com as articulações entre exposição, montagem fílmica, histórias da arte e racialização na arte brasileira e visibilidade de sujeitos negros nas artes visuais. Autor da tese Montagem Fílmica e Exposição: Vozes Negras no Cubo Branco da Arte Brasileira. Membro do Flume-Grupo de Pesquisa em Educação e Artes Visuais. Renata Sampaio Artista, educadora e curadora independente. Formada em Artes Cênicas pela UNIRIO, possui produção em performance e videoarte, investigando temas ligados ao corpo negro feminino, território e intimidade.  Possui 15 anos de experiência em mediação cultural, tendo atuado em instituições como Museu Nacional, Paço Imperial, Centro Cultural Banco do Brasil,  SESCs do Rio de Janeiro e São Paulo, entre outros. Em 2019, lançou o jogo Corpo Negro Cubo Branco, no qual reflete sobre o impacto de ser um corpo negro dentro do setor educativo de uma exposição/instituição de arte. É coordenadora do Educativo da 12ª edição da Bienal do Mercosul e da 3ª edição de Frestas – Trienal de Artes.

Fundação Bienal de Artes Visuais do Mercosul

Rua Gen. Bento Martins, 24/1201 - Centro

CEP 90010-080 | Porto Alegre - RS 

contato@bienalmercosul.art.br

+55 51 3254 7500

  • Black Facebook Icon
  • Black YouTube Icon
  • Black Instagram Icon

PATROCÍNIO:

REALIZAÇÃO:

FINANCIAMENTO:

Site criado e desenhado pela EROICA conteúdo